Moda,  Tendências

Coquette Aesthetic: A tendência hit do TikTok

Laços, rendas, corsets e tons pastéis. Se você está ligado nas últimas novidades, já deve ter reconhecido a tão comentada coquette aesthetic. Além disso, não é novidade para ninguém que a internet anda ditando moda e comportamento há anos e dessa vez, o estilo coquette veio para ficar. Ele vem se mostrando cada vez mais presente na moda após viralizar nas redes sociais. Para entender essa tendência, é preciso voltar no tempo.

Como tudo começou

No início dos anos 2010, sites como Tumblr e We Heart It eram famosos por serem fontes de inspiração para tudo. A princípio, foi por lá que a estética “Lolita” surgiu. O nome veio da obra polêmica de Vladimir Nabokov, em que um homem de meia idade narra seu envolvimento com uma menina de 12 anos apelidada de Lolita.

Artistas como Lana Del Rey e Marina and The Diamonds fizeram parte da trilha sonora da época. De fato, eles se tornaram ícones do estilo, usando laços, vestidos fluídos que são até mesmo um pouco infantilizados. Sobretudo, acredita-se que esse estilo é uma variação de outro, de mesmo nome, que vem do Japão.

Lana Del Ray
Reprodução: Instagram

O retorno aos holofotes

Com a evolução da moda e da internet, certamente variações e releituras de tendências antigas vão ser criadas. Foi no final do ano de 2023 que as Lolitas retornaram como Coquettes. A trend celebra a feminilidade e delicadeza com toques do rococó de Maria Antonieta e lembranças das famosas Tumblr Girls dos anos 2010. O estilo viralizou no TikTok e hoje a hashtag #coquetteaesthetic já conta com mais de um milhão de vídeos.

A palavra coquette vem do francês e significa “atraente por meio do romantismo e da vaidade”. Os itens chave da tendência remetem a luxo e riqueza e é parecido com a estética old money, também famosa na internet. As coquette girls sempre usam maquiagem leve com blush rosa. Além disso, pérolas, luvas e roupas ultra femininas como corsets e vestidos com babados são as peças mais usadas. 

Estilo Coquette
Foto: Instagram
Estilo Coquette
Reprodução: Instagram

A tendência Coquette atinge as passarelas

Na última semana de moda de Paris é possível ver o coquette ganhando força. Marcas como Nina Ricci e Giambattista Valli apresentaram coleções cheias de elementos da estética. Mesmo com suas próprias releituras, sem dúvida, ambas arrasaram nas passarelas. 

Em Londres, a estilista irlandesa Simone Rocha assinou a coleção de Jean Paul Gaultier recheada de elementos românticos e ultra femininos. Posteriormente, na London Fashion Week, Simone retornou com sua própria marca apresentando uma versão gótica do coquette, fazendo referência ao luto.

Em Xangai, a marca Shushu/Tong  mostrou um lado surpreendentemente revelador, rebelde e sensual. O coquette foi misturado com outra trend muito amada pelos fashionistas, a office core. Além disso, a dupla de designers intercala entre minimalismo e maximalismo em peças lúdicas e super modernas.

Estilo Coquette
Reprodução: Instagram
O estilo na passarela
Foto: Instagram

O estilo coquette é presente nos pequenos detalhes e em todas as suas variações celebra principalmente feminilidade e romance. Em uma era de “aesthetics”, a aposta é que muitas releituras dessa tendência ainda irão surgir e causar muito barulho nas mídias. 

Escrito por: Anna Carolina Oliveira | Editado por: Isabella Messias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *